O início do fim

Narcotraficantes fazem toda uma comunidade de reféns, aliciam menores, barbarizam pais de família, tomam suas casas, assassinam inocentes, enfrentam a policia com armas de guerra e, por mais surreal que possa parecer, são defendidos e romantizados por órgãos de imprensa, políticos, instituições e autoridades.

Nada mais salva o Ocidente dessa sociedade doente, psicopata e viciada que foi criada nas três últimas décadas. Depravação moral, total falta de ética e uma surreal inversão de valores que nos levará fatalmente a destruição como sociedade.

Restará a nós apenas a submissão e a subserviência aos eslavos, africanos e orientais, os novos Donos do Século. A nós ficará relegada a posição de um grupo exótico, entre hermafrodita e assexuado, uma sub-raça em todos os aspectos.

1 comentário em “O início do fim

Deixe uma resposta