País atrasado

A Itália, para quem não sabe, é um país atrasado e miserável da Europa, um país sem tradição , sem indústrias e sem história, um país que seu povo se apinha em favelas, palafitas e numa periferia violenta que hoje sobrevive com um auxílio emergencial de 50 euros.

Tudo isso em contraponto a sua elite, onde magistrados, políticos e o alto escalão do governo além de benesses ilimitadas paga salários astronômicos a uma elite que atua como capitã do mato para o poder econômico que vem de fora.

Isso tudo bem ao contrário do Brasil, um país moderno, bem administrado, com autoridades e magistrados regidos pela sobriedade e o respeito ao erário público e ao povo em geral. o Brasil hoje serve com seu modelo um exemplo para o mundo.

Esse abismo entre a pobre Itália e o soberbo Brasil deve ter a ver com a forma que ambos os países enxergam a economia, enquanto a cada vez mais pobre Itália estatiza empresas o Brasil doa as suas por qualquer tostão, passa nos cobres tudo que pertence ao estado.

O resultado está aí na renda, na qualidade de vida, na violência, nós oportunistas aproveitadores do estado e de entreguistas de plantão da Itália em oposição aos patriotas brasileiros.

Portanto faça você mesmo a comparação entre a pobre e corrompida Itália, comunista e vendida com suas ridículas estatais e a riqueza de um Brasil onde até a privada pública foi privatizada e o povo não para de sorrir…

Deixe uma resposta